quarta-feira, 2 de janeiro de 2013

DIÓSPIROS.

O país regressou hoje à realidade depois dos dias de tréguas para as festividades do Natal e da chegada de 2013, o ano de todas as angústias e incertezas. 

Não alimentei a mínima expectativa quanto aos discursos formais que os dois principais responsáveis pela administração do país iriam proferir no fim do ano. Nem fiz intenção de perder tempo a vê-los e ouvi-los em tempo real. Era altura de calar revoltas, de paz e de convívio familiar.

Não pude furtar-me a ver hoje no Jornal de Notícias alguns destaques do texto lido pelo primeiro responsável da Nação, aos portugueses. Nenhuma surpresa: alguém ficou surpreendido?

Não conseguiria interpretar melhor o que sinto e penso em relação à situação a que os políticos e as políticas por eles aceites conduziram os portugueses, do que servir-me da metáfora simbolizada nas fotografias que abaixo divulgo: 

uma árvore despida de folhas carregada de dióspiros alaranjados já mirrados pendurados nos seus ramos tristes no limiar da degradação.





(Gentileza do amigo "Caninhas")

25 comentários:

  1. Todos somos culpados...
    É uma fatalidade!!! Somos despojados das nossas "folhas" por politicos que apenas governam a pensar na glória e enaltecimento pessoal e nas eleições seguintes. Qaundo somos despojados de quase tudo um governo é eleito para tomar medidas drásticas e violentas para remediar e recuperar anos e anos de más politicas, sendo certo que nem sempre estamos de acordo com as medidas que são tomadas. Foi assim em 1983... é assim no tempo actual.
    Mas, todos os portugueses são culpados e não apenas os politicos.

    ResponderEliminar
  2. Cada povo...tem o governo que merece!!!

    ResponderEliminar
  3. Guterres, quando abandonou o navio, avisou que "Portugal era um pântano". Não o ouvimos...
    Quando Durão Barroso, avisou no seu consulado, que "Portugal estava de tanga", Portugal riu-se dele...
    Quando Manuela Ferreira Leite, em campanha eleitoral para as legislativas, falou verdade aos portugueses, falando a realidade que não queríamos ouvir, demos-lhe uma colossal derrota eleitoral...
    E continuamos fazendo nossas escolhas, os politicos suas promessas, porque em Portugal todos os anos há eleições...
    Hoje temos um governo que toma medidas de ruptura (algumas eventualmente erradas), mas acabará consertando este país... para depois elegermos politicos populistas e demagogos que voltarão a despir Portugal...
    PS. Para o ano... os diospireiros do Caninhas voltarão a ter folhas...

    ResponderEliminar
  4. Este ano nada vai restar...nao creio que os diospireiros do Sr. Caninhas voltem a florir...O povo portugues esta a pagar pelos seus "erros" mas tambem pela "gula" capitalista mundial sem mercer nem ter nada a ver com tal. O governo e um palhaco mandado...agarrados ao poder...sem vergonha e sem coragem de ir embora!!!

    ResponderEliminar
  5. Sem dúvida que todos temos a nossa quota-parte de responsabilidade, por termos o país que temos, mas o que mais me preocupa é que não aprendemos nada com os erros do passado, continuamos a achar que outros tem a varinha mágica de transformar Portugal num mar de rosas, subsidiodependente para tudo, em que tudo nos é dado de borla, em que o Estado é um poço sem fundo onde a água nunca acaba, e em que tudo está bem se não mecherem comigo.
    O Estado, somos todos nós, as receitas que Portugal, país sem recursos naturais, em que os factores de produção tem sido delapidados nas ultimas décadas, pode lançar mão, só podem advir dos nossos impostos, mas a maioria continua a pensar que só tem direitos perante o Estado, esquecendo os seus deveres.
    Nada mais certo do que o comentário anterior, após Passos Coelho, elegeremos um populista qualquer, que num Outono qualquer, voltará a despir Portugal, mas se o diospireiro não secar ou o "Caninhas" não o cortar, na Primavera voltará a ter folhas e diospiros, que devem ser tratados para não acabarem contamidados pelo "bicho" ...
    JJFDS

    ResponderEliminar
  6. Os governantes portugueses deviam ser todos do "calibre" do Caninhas que cuida tão bem e com tanto esmero dos seus diospireiros que consegue a ilusão de os dióspiros parecerem sumarentas laranjas...

    ResponderEliminar
  7. Um governo"qualquer" que nao propocione ao seu povo o minimo de degnidade de viver, o minimo, penso que tera que ser julgado como tantos foram e serao atraves dos tempos..Estou de acordo com o Sr.Comentador das 07:44.Como sempre tera que chegar esssa primavera que nos ira dar a mercida honra e degnidade que o POVO portugues sempre teve atraves dos seculos, desde Afonso Henriques ate aos Capitaes de Abril procurando Homens,portugueses com a "fibra" dos nossos antepacados que nos levaram ao Mundo com valentia, com coragem...e quantos nao morreram por nos, para que nos lhe sigamos com a mesma "fibra". Os partidos so criaram "parasitas" que se estao a servir de todos nos e que nunca fixzeram nada pelo Povo. Temos que nos revoltar e dizer BASTA! FORA E JA. E, para resolver a nossa aflita situacao temos que criar PARTIDOS INDEPENDENTES feitos pelo povo e para o povo.

    ResponderEliminar
  8. basta! devia ser à dez ou quinze anos a trás| ninguém quiz saber! houve gente séria a falar desta desgraça! agora a culpa é de quem está tentar fazer alguma coisa!com algumas asneiras! talvez não as houvesse se fosse à quinze anos atrás!pudera!as asneiras foram tantas que não sei se tem concerto! acreditem nos próximos populisócraticas!e vão ver o que acontece! vai aparecer muita sementeira! muitos subsidios! para todos! vem aí o novo MessioSócrates! e vamos ser todos muito felizes! j.manuel

    ResponderEliminar
  9. Sr. Anónimo das 18.03, o que é isso de "partidos independentes"?
    Todos os partidos obedecem a principios, filosofias, formas de pensar e estar na sociedade. Todos eles representam sectores da sociedade.
    Por isso, todos eles teem a sua lógica e base sociológica e, em regimes democráticos, são independentes do poder.
    Assim não é em regimes ditatoriais, onde a existência dos partidos, mais não são que uma extensão do poder repressivo junto das "massas". São os famosos partidos populares... "do povo e para o povo", meros instrumentos de repressão.
    Bem haja

    ResponderEliminar
  10. Era isso mesmo, Um Republica Popolar Moderada, para indireitar o pais! Isso ja nao vai mais com paninhos quentes. Vamos..alguem tem que mandar bem...e proteger o Povo mesmo aquele que lava no rio...

    PS. A diferenca entre os politicos que passaram e que os passados "diregentes" nao se preocupavam com O GRANDE CAPITAL mas sim com o SER HUMANO!
    Contudo respeito as suas ideias!

    ResponderEliminar
  11. vamos está no hora de arrebentar com tudo! formar um partido do povo! assim está bem! e esse partido vai nos dar tudo!tudo que precisamos!mas não tenho a certeza se vamosmanter o pouco que temos! ou se nos vão tirar ainda mais e dar aos lordes que lá fora(estrangeiro) falam! falam! mas não dão nem nunca deram nada a ninguém! antes pelo contrário! pisam e esmagam! só tem é conversa!tenham juizo! deviam era ao longo dos tempos não ter feito tanta asneira!só fizeram asneira! e da grossa!j.manuel

    ResponderEliminar
  12. Asneiras Sr Manuel foram feitas por tudo Mundo, e em especial na Europa! E o Sr sabe disso!Tambem sabe Sr Manuel que tem que haver uma mudanca..Tambem sabe que os nossos partidos sao fundamentados nos interesses,particulares e, nos grandes grupos economicos...Tambem sabe Sr.Manuel que nos O povo nao foi quem individou o pais..e sabe tambem que a dependencia nossa da Europa esta a ser a nossa desgraca..Mas o problema nosso e que enquanto nos poe no desemprego poe-nos tambem a comprar os que eles produzem (veja a Alemanha) veja o desemprego la! Veja, em Portugal, na Espanha, na Grecia, na Englaterra, na irland e nos pais de Lest! Acha Sr Manuel que nos devemo-nos conformar? Acha que devemos ter medo de ir para pior? Mas para onde?Acha que a dertribuicao dos deveres e das regalias esta a ser feita atraves da Europa?. Entao nao concorda que todos este politicos devem devolver ao Povo o poder que nos lhes demos em eleicoes? Nao concorda que a vontade do Povo e determinada para cada um de nos? Sempre sera melhor que entregar os nossos destinos a "licenciados de aviario" ou a criancas saidas das escolas

    ResponderEliminar
  13. O Sr Manuel nos nao precisamos de arrebentar com tudo...devemos e arrebentar com aqueles que nos querem arrebentar a nos..

    ResponderEliminar
  14. temos aqui grandes savichões vindos do estrangeiro!mas não dá nem nunca deu nada! a não ser quando lhe interessou!mas primeiro o porco e só depois a chouriça! j.manuel

    ResponderEliminar
  15. Licenciados de aviários! (este faz-me rir)Ricardo Costa

    ResponderEliminar
  16. Sr. Ricardo costa esta e minha sincera opineao! E, estamos a ver ne pratica...que faz entao a maioria de licenciados? Cursos que defacto nao derem uma via de defesa, sao na verdade cursos inuteis...mas continuo a respeitar a sua "chamada" mas nao se rir assim tanto..pense um pouca e defenda entao o seu ponto de vista..(fico a espera..)
    PS. Esta chamada e para o Sr. Comentador de 14:16.

    ResponderEliminar
  17. Sr. Manuel ja esta a ver o tal "Arrombo" que tem falado.Acompanhe os acontecimentos e depois pederemos falar.."savichoes" ha=os em todo lado..O sr. tem alguma coisa contra todos aqueles que por motivos varios nao estao em Portugal? Nao me diga que a intelegencia "more" apenas na sua terra com o seu apoia e acompanhamento...Sao os estrangeiors que neste momento estao a "mandar" em todos vos! Meu Sr. contunarei a argumentar consigo se tal o assunto o mercer. Asiim nao meu meu degnissimo Senhor!

    ResponderEliminar
  18. Entao o Sr. nao tem no seu governo um Doutor que se liccnciou em 15 dias? Que chama o Sr. Manuel a isso?

    ResponderEliminar
  19. Para o Sr.Ricardo Costa: A Onca e um animal que se esta sempre a rir, mas come excrementos dos outros animais e so faz sex uma vez por ano! E ha quem pergunte mas entao esta-se sempre a rir de que?

    ResponderEliminar
  20. E a partir de hoje e por respeito ao blog e ao seu autor nao vou alimentar estas "cahxadas" mais.

    ResponderEliminar
  21. Meu governo. Só se for o seu. Licenciaturas como ao que está no governo. bom! não está bem. Como não está bem quem legislou para permitir essas.E a sua como foi!Ricardo Costa

    ResponderEliminar
  22. As Minhas meu sr.Ricardo uma custou 4 anos a segunda 3 anos e a terceira custou um ano,no Colegio de Direito em Londres. Tudo esta arquivado no Google. E A SUA?
    Como lhe tinha prometido, e como o sr. esta aqui so para ofender e ser ofendido, eu, nao lhe vou respender mais. A sua conversa nao tem nexo nenhum. Passe bem

    ResponderEliminar
  23. Ricardo Costa:

    Não me parece que o seu comentário tenha interesse para o tema da post. A sua divulgação só ia abrir o diálogo pessoal com o visado, que, como consta do anterior comentário,não pretende mantê-lo.

    Estou certo de que compreenderá a minha decisão.

    Remígio Costa.

    ResponderEliminar
  24. Ok! Concordo com a decisão. Mas, Remigio Costa, eu sei quem é esse senhor! E sei como conseguíu a sua licenciatura! Licões desse não as recebo.
    Ricardo Costa

    ResponderEliminar
  25. jà a muito tempo que nao havia disto, o que os diospiros do caninhas fizeram dà mesmo para pssar o tmpo bpm ano para todos

    ResponderEliminar