segunda-feira, 5 de setembro de 2011

LUSO-DESCENDENTE INTERNACIONAL PELA FRANÇA, EM HÓQUEI EM PATINS.

            Chama-se ANTHONY DA COSTA, e é luso-descendente, natural de Lanheses, onde nasceu em 4.7.95 (16 anos), e integra a selecção francesa na categoria de sub-17 que está em Genéve, na Suíça, para participar no Campeonato da Europa da categoria, competição que decorre a partir de hoje naquela cidade e país.

             Anthony da Costa pertence ao CS Noisy Le Grand, tendo já no seu curriculo vários títulos entre os quais o de Campeão Francês de sub-17 em 2010 e o de Campeão sub-20 das regiões francesas da mesma categoria.
           
             A participação da equipa francesa sub-17 inicia a competição jogando contra a Inglaterra, hoje, para amanhã, terça-feira, defrontar a equipa anfitriã, a Suíça, terminando esta fase de apuramento precisamente contra PORTUGAL que também disputa o campeonato.

             Na foto que se publica, o jovem Anthony da Costa é o primeiro, à esquerda, no plano inferior.

             Daqui enviámos ao nosso jovem conterrâneo os votos dos maiores êxitos pessoais e desportivos desejando-lhe a obtenção de mais um título para acrescentar ao seu já valioso palmarés.


                                                        ACTUALIZAÇÃO.


"L'équipe de France s'impose 6 à 0 face aux anglais 

Les marqueurs pour la France sont: Quentin PODEVIN (1), Clément CHEDMAIL (1), Antoine LE BERRE (1), Anthony DA COSTA (2) et Carlo DI BENEDETTO (Cap) (1). Enfin, un carton bleu pour Brice DASINI-JOSEP" 

                 A equipa francesa bateu a Inglaterra por 6-0, no primeiro jogo do Campeonato, tendo o "nosso" Anthony DA COSTA contribuído com 2 golos. O luso-português é segundo capitão da equipa.

                       

 Esta foi a equipa que defrontou e venceu a Inglaterra, vendo-se
Anthony, em baixo à esquerda, na 1ª posição.

13 comentários:

  1. Então porque não jogou por portugal?

    ResponderEliminar
  2. Talvez porque nasceu, cresceu e mora lá. Provavelmente as hipoteses de jogar pela França serão maiores e não tem de fazer tantas viagens.

    ResponderEliminar
  3. A razão tão simples ó anónimo ... é que só tem lugar em grandes equipas !!!!!!!...Daaaa, ou és daqueles que ainda julgas que somos os maiores ...

    ResponderEliminar
  4. Há por ai "muito" luso descendentes a praticar desporto, e tudo mais, quer seja no Canada, EUA, França, Espanha, etc... As condições sendo as melhores deve-se aproveitar.

    ResponderEliminar
  5. em primeiro lugar dou os parabens ao tony pelos os exitos alcançados,foi pela seleção francesa como podia ser por a portuguesa,o que nos interessa é que és descendente de lanhesense,desculpa a curosidade mas gostava de saber a que familia pertences ,

    ResponderEliminar
  6. Suponho que seja neto da Piedade do Caseiro.

    ResponderEliminar
  7. e neto da MARIA MIGUELA,filho do ZE COSTINHA.

    ResponderEliminar
  8. Família de Anthony DA COSTA:

    É neto de Maria das Mercês, viúva de António Costa, da família de João José da Silva, conhecido por João das Correias, da Bajouca.

    O pai é José Silva Costa, sobrinho de João Castro e Silva, mediador de seguros da Tranquilidade.

    Nasceu em França, e é luso-francês.

    ResponderEliminar
  9. Cabaneiredo on-line no seu melhor!

    ResponderEliminar
  10. Muito bom jogador ! Com, sem duvida, um grande futuro pela frente. Boa sorte para a equipa Francesa hoje contra a Suiça. Força Tony, Noisy esta contigo.

    ResponderEliminar
  11. obrigado remigio pela informação dada,assim fiquei com as minhas duvidas desfeitas, quanto ao cabaneiro queria só dizer que se tivesse a milhares de km de distância e não tivesse ninguém para tirar as duvidas o sr. de certeza que não lhe chamaria cabaneiredo, e fico por aqui para não ferir a sua sensibilidade de ser humano passe bem.

    ResponderEliminar
  12. http://drimage.zenfolio.com/02-angleterre-france

    ResponderEliminar
  13. Oh Sr. Costa pepare-se para pertencer a nova reforme autarquica e em Si que eu vejo uma possibilidade de mudar para uma gestao seria! Uma gestao de consbsiencia , de respeito de seriedade e de dar a Cesar o que e de Cesar e a Deus o que e de Deus. Vamos esquecer da Cleopetra!...

    ResponderEliminar