quarta-feira, 4 de junho de 2014

VILA MOU ERGUEU O ARCO FESTIVO DA FESTA.

       



                        O ARCO FESTIVO JÁ IMPLANTADO


Batiam as dezanove horas no relógio da torre da igreja de Vila Mou (Viana do Castelo) quando o arco festivo que se converteu num ícone das grandiosas festas de Nossa Senhora da Encarnação que se realizam nos próximo fim de semana e segunda-feira naquela freguesia, ficou no prumo e se ouviram as palmas dos presentes pelo sucesso da operação. 

                                      FASE DO LEVANTAMENTO.
     
      Esta artística construção ganhou foros de tradição constituindo já um símbolo da festa e da própria freguesia da ribeira lima. É uma estrutura com cerca de dezoito metros de altura seccionada em quatro andares e uma cruz a encimá-lo,  em forma de pirâmide, suportada por quatro colunas de madeira de eucalipto , na base. Todos os vãos são ornamentados com peças  com desenhos rendilhados formados por ripas e vimes pintadas de branco e as varas cobertas de ramos de bucho e flores onde sobressai uma estrela de oito pontas pintada a vermelho, seguindo os desenhos criados pelo artesão vilamouense já falecido Manuel da Pedreira, o qual foi, durante muitos anos, o principal obreiro e responsável pela sua construção, tendo merecido da parte da freguesia a devida homenagem com o levantamento no local de um padrão  alusivo à sua pessoa.

PRESTES A FICAR NO PRUMO.
   

   A sua preparação envolve mais de três dezenas de voluntários de ambos os sexos tendo levado cerca de quatro horas a ficar pronto para o levantamento, o qual foi efectuado com total segurança e em poucos minutos com recurso a uma grua de um camião adequado. As operações suscitaram o interesse de muitos vilamouenses e de curiosos vindos expressamente de fora, que reconhecem este acto como o verdadeiro início da importante festa religiosa que é o orgulho das gentes desta próspera e acolhedora localidade do concelho de Viana do Castelo e vizinha de Lanheses. Era notória a presença de emigrantes, acompanhados das respectivas famílias, vindos expressamente para festejar sobretudo de França, onde se fixaram há muitos anos.

                                              NA VERTICAL

    O programa das festas prolonga-se até à próxima segunda-feira, dia em que decorre a procissão solene em honra de Nossa Senhora da Encarnação, e constitui o mais representativo evento desta antiga festividade cristã.


       FASES DA ORNAMENTAÇÃO COM BUCHO VERDE E FLORES






 PREPARANDO O LEVANTAMENTO.

                              
MANOBRAS INTERESSAM MUITA GENTE.

                                           O FOTÓGRAFO "DA CASA".

                                          LEVANTAMENTO TERMINADO.
                                      

                                             ENQUADRAMENTO NO AMBIENTE

                                                              F   I   M

Fotos: doLethes.

Sem comentários:

Enviar um comentário