sábado, 22 de julho de 2017

BANDAS LARGAS PROMETEM APERTADO DESPIQUE, NA GRANDE NOITE DA FESTA EM LANHESES (Viana do Castelo)


                                                    Amigos da Branca

     À hora prevista, chegaram ao recinto onde decorre a Festa em Honra do Senhor do Cruzeiro e das Necessidades, as Bandas musicais. A chuva com que o dia amanheceu, não esperou e cedeu lugar ao sol, e ao céu azul com novelos de nuvens brancas. 

    O povo concentrado no adro entre a Capela e a Igreja, abriu espaço para a passagem da Associação Recreativa e Musical Amigos da Branca, vinda de subir a estrada em formação ordenada e a tocar desde o cruzeiro da curva da Obra Social. À cabeça, os cinco membros da Comissão trianual das Festas, e, pois então, o Carlinhos, à frente de quatro jovens mordomas. Circuitando a Igreja pelo lado sul, ficam depois formados à porta do templo onde os aguardavam o pároco residente da paróquia de Santa Eulália de Lanheses e S. Paio de Meixedo, padre Daniel da Silva Rodrigues, e o Mordomo da Cruz em exercício, Carlos Leite, a que se juntam mal chegados os membros da Comissão, mais o Carlinhos, enquanto a Banda anunciada com o maestro a liderá-la, executava a marcha da praxe. Depois de repetir fez a Banda da Branca, com os elementos atrás referidos, inversão de marcha para se ir posicionar em frente à Capela do Senhor das Necessidades para concluir o cerimonial da apresentação,e  receber os aplausos de circunstância devidos.

      Imediatamente: 


                                         Fermentelos    
     Todos os gestos se repetem com a entrada no cenário dos acontecimentos da Banda Velha de Fermentelos, que se apresentou a seguir. Mudou o acesso porque a entrada veio do lado do Lugar da Corredoura, a norte. Cumprido que ficou o ritual seguido pela Banda antecedente, ambas subiram aos respetivos palanques, a Branca a N, Fermentelos, a S.. Cara a cara, ouvidos nos ouvidos.

    Amigos da Branca abre as hostilidades, se a palavra não for entendida na conotação bélica que possa conter. Uma composição, resposta de Fermentelos, nova escolha, pronta resposta. Partituras com nome, porque os ouvi dos dois "fanáticos experimentados", a meu lado. Não anotei, pagaram-se-me.

   Quem esteve melhor, quem ganhou pontos e segue à frente? Dúvida não esclarecida, há que ouvir bem, e mais. Os prognósticos revelados no fim têm mais hipóteses de vencer (ah, ah). Como falava o acautelado.

    Além do mais o verdadeiro duelo irá travar-se pela noite dentro até ao começo do lançamento do fogo de artifício. Na hora da verdade, é o gosto do povo ouvinte quem terá a (última) palavra. Ainda neste caso, eu era capaz de jogar tudo na Banda que executasse melodias do reportório mais popular.

   De resto, foi assim:

























































                                               NOS PALANQUES

























Fotos: doLethes
Remígio Costa

Sem comentários:

Enviar um comentário