sábado, 10 de agosto de 2013

MAIOR ROUBO QUE OS FLAWPS FOI O DA TDT.

                  

           Da TV a preto e branco passamos agora a ter televisão cor de rosa graças à TDT (Televisão Digital Terrestre), a cor que se atribui aos sonhos lindos como é o de ter direito a viver num país com autoridades e tribunais que cumpram, e façam cumprir, a Lei.

                         Foi anunciada como uma inovação tecnológica que iria beneficiar os espectadores, mas a realidade veio a destapar uma verdadeira fraude de que foi vítima (mais uma vez) uma grande parte dos portugueses de baixos recursos económicos.

                          A TDT (Televisão Digital Terrestre) revelou-se, na prática, uma perda de qualidade em relação ao sistema que veio substituir (que ninguém compreendeu nem necessitava), para além de um acréscimo de gastos, arrelias e complicações e perda de qualidade visual de que ninguém estava à espera.

                          Como quase tudo que é aldrabice e enriquecimento fraudulento neste momento em Portugal, também este embuste imposto aos cidadãos está a passar ao lado da comunicação social, das estruturas oficiais superiores do Estado, e, não escrevo "autoridades competentes",  porque é coisa que ninguém está à espera que haja, actualmente, neste desgraçado país.

Sem comentários:

Enviar um comentário