sexta-feira, 25 de novembro de 2016

O FUTEBOL DA NOSSA TERRA - atividade para o fim de semana (26 e 27 de Novembro)

 
 ´  
                      À décima jornada o UD de Lanheses ocupa um animador sexto lugar na classificação geral, a três pontos da segunda posição e a sete da primeira, atravessando uma fase confiança e grande motivação. Tendo ultrapassado com dois empates sucessivos os complicados campos da Correlhã e de Vila Nova de Cerveira, na última jornada foi a Castelo do Neiva arrancar um sensacional triunfo, a seguir à goleada em casa de 5-0 aplicada ao Vila Fria. Miguel Kitos, o treinador,  manifesta-se otimista quanto ao futuro da equipa estando convicto de que há ainda margem de crescimento para garantir uma participação brilhante na prova. É os sócios e simpatizantes corroboram as esperanças do mister.
 
                Amanhã, domingo 27 de novembro, o UDLanheses vai bater-se no seu terreno com o Courense, décimo da classificação com 10 pontos. A equipa de Paredes de Coura tem vindo a denunciar alguma inconstância nos resultados conseguidos, dando porém sinais de melhoria nas últimas jornadas. Independentemente da falibilidade das previsões, os Lanhesenses não deverão ser surpreendidos à semelhança do que aconteceu na visita do Távora (de má memória), na única derrota que sofreu até ao presente e irá certamente manter-se no cimo da onda grande vencendo os Courenses com maior ou menor volume de golos.
 
               Partida interessante é a que Correlhã e Vitorino de Piães irão protagonizar na Boa Morte, um campo muito difícil de lavrar seja qual for o poderio do adversário. O Piães tem vindo a crescer de ano para ano, já o tenho referenciado como equipa com justificadas aspirações, ocupando o posto de subcomandante sem grande surpresa (para mim). Apesar disso, só uma grande exibição o impedirá de sair incólume do Santuário da Boa Morte. Se o confronto entre o Vila Fria, último classificado com zero pontos, e o Castelense, oitavo com 12, não dá margem  para dúvidas, o mesmo não se dirá do curioso duelo entre Távora e o Arcos de Valdevez, vizinhos e rivais de estimação. Primeiro contra décimo terceiro com nove pontos, dá para crer que "os da Vila" levarão a melhor. São o comandante, ora a dúvida! Em Arcozelo o Valenciano tem hipóteses de conseguir um empate, mas é tal a irregularidade do seu comportamento que não é de estranhar novo insucesso. Depende da "veia" combativa dos locais, sempre temíveis a jogar em casa. A maior experiência do Neves poderá valer um triunfo em Monção, mas será tudo menos fácil de conseguir, agora já há neve por todo o lado... Tal como o SC Vianense, sexto com dezasseis pontos, em Campos, nono classificado com onze, donde a equipa de Viana do Castelo só regressará satisfeita com três mais três na bagagem e uma quarta vitória consecutiva no caso de conseguirem provar a superioridade que parece querer afirmar em marcar sem sofrer golos. Porém, pode estar aqui a grande surpresa da jornada. Por último, haverá em Chafé um jogo bastante equilibrado. O Cerveira é terceiro da geral, o Chafé está no 12º lugar com nove. Dando indicações de que os cerveirenses não se mostram tão fortes, esta épocas,  como era suposto em função das aspirações de terminar no topo, as chances do Chafé, a jogar em casa, sendo diminutas nas apostas poderão aumentar no confronto dentro das quatro linhas. Numa relação de um para dois aposto, apesar da dúvida, na equipa do concelho de Valença.
 
                 Vamos, UD Lanheses. Com ventos de fortuna a jeito da vela, no domingo à tarde estarás no pódio...
 
 
JORNADA 10

Sem comentários:

Enviar um comentário