domingo, 13 de novembro de 2016

MEIXEDO. PERCURSO COM CEM ANOS - LIVRO DE ELISA CELESTE SOARES APRESENTADO NO AUDITÓRIO DA ESCOLA EB 2,3/S DO AGRUPAMENTO ESCOAR DE ARGA E LIMA, EM LANHESES (Viana do Castelo). (a editar)

  


      No auditório da Escola Secundária do Agrupamento Escolar de Arga e Lima, da freguesia de Lanheses, Viana do Castelo, decorreu ontem 12 de Novembro, pelas 15:00 horas, a apresentação de um livro da autoria de Elisa Celeste Soares, numa iniciativa dos responsáveis da Biblioteca escolar que prossegue um propósito de dar a conhecer à comunidade escolar e à população  em geral,  obras e autores  de comprovado interesse cultural do ramo literário ou científico, objetivo que tem vindo a concretizar com manifesto sucesso.

     A obra ora apresentada tem a particularidade de constituir "Um contributo para a história contemporânea local", a partir da saga de um emigrante natural da freguesia de Meixedo (Viana do Castelo), António Rodrigues Soares (1907-2008), um "elemento que, pela sua história de vida, pela sua personalidade, pelo seu relacionamento e afetividade, suscitou o desenvolvimento da ideia". Contudo, a autora não circunscreve a obra ao escrutínio minucioso do percurso de vida da destacada figura da mencionada freguesia do vale da serra d'Arga, ao estender o âmbito das suas pesquisas e reflexões ao tempo em que a ação decorre no campo político-social, interna e externamente.

    Elisa Celeste Pires de Carvalho Soares, licenciada em História e Mestra em História Moderna pela FLUL, é natural da freguesia de Rossas, Vieira do Minho, estando casada com Arcindo Soares, engenheiro, irmão do Doutor José de Carvalho Soares, professor catedrático jubilado, membros da família "Carvalho Soares" com raízes nas freguesias de Nogueira e Meixedo, onde nasceram e mantêm residência e mora (ainda) a maioria dos seus componentes.

    A sessão foi apresentada pelo diretor do Agrupamento Escolar Arga e Lima, Agostinho Gomes, tendo estado presentes o vereador municipal da edilidade vianenses,  Luís Nobre, a responsável pelas bibliotecas escolares drª Raquel e outras figuras notáveis convidadas, numerosos familiares e conterrâneos das personagens referidas na obra e da terra da naturalidade da autora.

   Na sala da biblioteca escolar onde está aberta (mais) uma impressionante Exposição relacionada com raros e estimados objetos ligados à navegação e à atividade marítima (de que tratarei em tempo oportuno) decorreu o momento das cerca de duas centenas de autógrafos lançadas no livro pela autora, no decorrer da qual houve ainda oportunidade para momentos de convívio em aligeirado mas muito simpático "Porto de honra"

NA APRESENTAÇÃO:




















NO AUDITÓRIO:





















 NA BIBLIOTECA- SESSÃO DE AUTÓGRAFOS:
















































































NO AUDITÓRIO (INÍCIO):






Fotos: doLethes
Remígio Costa 

Sem comentários:

Enviar um comentário