terça-feira, 5 de agosto de 2014

CONFRATERNIZAÇÃO NO RESCALDO DA FESTA DO SENHOR DAS NECESSIDADES.


                Como estava previsto no programa geral da festa mais relevante da freguesia de Lanheses, que ocorreu na semana que terminou no último domingo dia 27 de Julho, em honra do Senhor do Cruzeiro e das Necessidades, a Mesa da Confraria promoveu no último domingo, dia 3 de Agosto, um convívio aberto a toda a comunidade dando cumprimento a uma tradição que se vem mantendo há anos consideráveis, alimentando deste modo o espírito que emana de quem a promove e levanta e, bem assim, de quem os apoia e é solidário nas múltiplas tarefas que a sua realização implica.

               

             Por ter estado envolvido noutro compromisso de natureza familiar que decorreu no mesmo dia, não pude como era meu desejo e intenção de me juntar aos meus conterrâneos e usufruir do animado convívio que decorreu no recinto do adro paroquial onde acontece a grande festa, onde não falta animação, alegria e oportunidade de convivência com emigrantes com que vieram passar as suas férias à terra natal, e, naturalmente, os grelhados, a sardinha assada, o chouriço caseiro, a broa da senhora Áurea, saborosas sobremesas de fabrico caseiro e, olha senão, uma boa "pinga" de verde do lavrador que a garganta do cantador e do apreciador não dispensam de tomar.

 
             

             A quem de novo me cumpre agradecer é ao nosso conterrâneo e estimado amigo Amaro Rocha, a quem não escapa um pormenor que seja do quotidiano tradicional da nossa comunidade, registando  no seu valioso  arquivo pessoal o que mais o sensibiliza e diga respeito às tradições e costumes da comunidade lanhesense. Disponibilizou algumas das suas fotos para registar aqui no doLethes o simpático convívio, pelo que continua a aumentar o meu débito de reconhecimento para com ele pela amabilidade que usa para o gestor do blogue.

              Bem haja.

                          
                         Não são necessárias legendas: as fotografias "falam" por si ajudam a imaginar o excelente ambiente que reinou no convívio de encerramento das Festas do Senhor do Cruzeiro e das Necessidades do ano de 2014.













                                                           FIM

Fotos: Amaro Rocha
Texto: Remígio Costa

             




Sem comentários:

Enviar um comentário