sexta-feira, 7 de junho de 2013

ENCERRAMENTO DA ESTAÇÃO DO CORREIO DE LANHESES EM DEBATE NO PORTO CANAL.

       

                 Tem sido divulgado aqui no doLethes que o presidente da Junta da Freguesia de Lanheses, Ezequiel vale, estaria no PORTO CANAL como convidado para falar sobre o encerramento definitivo da estação de correios de Lanheses. A última informação de que dispunha era a de que o programa seria transmitido, em diferido, pelas 14 horas do próximo sábado e repetido às 12 horas do próximo Domingo. Porém, ontem à noite, cerca das 22.40H, ao abrir o televisor fui surpreendido pela presença no ecran do prof. Ezequiel Vale, o qual, naquele preciso momento fazia uma intervenção sobre o tema do fecho dos correios de Lanheses. Constatei, a seguir, que se tratava de um debate onde estavam presentes, para além de dois apresentadores da estação Porto Canal, o presidente da Junta de Freguesia de Campanhã e o representante do sindicato dos carteiros dos CTT.



         Pude ainda assistir a uma boa parte das intervenções dos participantes onde foram explanadas e dissecadas as consequências negativas para as populações abrangidas pelo fecho das estações dos correios e das diligências levadas a cabo para o impedir pelos responsáveis das autarquias. No que a Lanheses diz respeito e como tem sido divulgado, Ezequiel Vale mencionou detalhadamente as condições que lhe foram exigidas pela administração dos correios para que a Junta a que preside pudesse assumir o serviço por conta própria, divulgou as alternativas e a disponibilidade para se chegar a um entendimento que garantisse qualidade e segurança aos utentes da estação, apresentou números relacionados com a procura e o estrato social a que pertencia a maioria dos utilizadores, o impacto negativo que a extinção causaria ao comércio  local e o retrocesso que representa no desenvolvimento de Lanheses o regresso do serviço postal aos tempos das diligências.



         Bem documentado e muito claro nos seus argumentos mostrou-se, também, o representante do sindicato dos carteiros, JOSÉ OLIVEIRA, que subscreveu por inteiro a exposição de Ezequiel Vale e defendeu inequivocamente a manutenção das estações dos correios nas freguesias, considerando a sua importância de proximidade com as populações, principalmente a  dos idosos e com reduzida mobilidade dando relevo à humilhação a que podem incorrer ao serem compelidos a tratar dos seus assuntos em lojas sem condições de atendimento privado.



       O representante da freguesia de Campanhã, do Porto, que também viu encerrada uma das suas três estações, pouco acrescentou ao tema em questão, tendo em consideração o meio urbano a que pertence, os sessenta empregados da sua autarquia e o número de habitantes que abrange.

      À hora em que escrevo estas linhas desconheço, ainda, os motivos da alteração do horário que estava previsto para a divulgação deste fórum, e se vão manter-se aqueles que foram anunciados.

          EM TEMPO: Já depois de ter publicado este post chegou-me a informação de que o Porto Canal antecipou a divulgação do debate por motivo de uma greve nos CTT. Assim, a repetição prevista para domingo às 12 horas já não terá lugar mantendo-se a transmissão prevista para sábado, às 14 horas. Os subscritores do Canal Meo podem ter acesso às gravações dos programas dos últimos sete dias.

Sem comentários:

Enviar um comentário