quarta-feira, 25 de abril de 2012

A IGREJA QUE FOI A PRIMEIRA MATRIZ DE VIANA DO CASTELO.

                                       A Igreja das Almas


               Há quem pense que é capela mas a sua antiga e interessantíssima história é a de uma igreja que já foi sede de paróquia que se estendia da Areosa até Lanheses. Levantada sob ruínas de uma construção antiga, não seguramente identificada, esta Igreja Românica localizada no Largo das Almas, em Viana do Castelo, data do século XIII, mantendo do lado sul a parede da época medieval onde se pode ver um arcossário, dessa era. Até ao finais do séc. XIX, o adro foi cemitério.

                            Um lindo altar no interior

               As recentes obras de requalificação que ali foram levadas a efeito, puseram à vista e restauraram as antigas sepulturas e sarcófagos e respectivas ossadas existentes no seu interior e os vestígios do antigo templo, bem como interessantes adereços, moedas de diferentes datas, tecidos e até uma prótese de um braço que se encontram devidamente classificados e expostos no seu interior, juntamente com fotografias das pesquisas arqueológicas ali efectuadas e de pedaços do burgo vianense relacionados com a história daquela que foi a primeira matriz fora de portas da antiga Viana, deixando de o ser quando foi construída no interior das muralhas a actual Sé, no Largo da Matriz.

          O privilégio de ter um guia como A. Antunes de Abreu

               O local está aberto ao público dentro de um horário estabelecido e dispõe de responsável permanente credenciado para prestar informações e responder ao interesse dos visitantes pelo que vêem, não sendo cobrada qualquer importância pela visita. 


                                  O Professor e os alunos da Academia Sénior
              

              

Sem comentários:

Enviar um comentário