segunda-feira, 6 de julho de 2015

Lanhesense Ademar Pereira no Rallicross de Sever do Vouga





             Foi com a sensação de dever cumprido que o piloto vianense Ademar Pereira terminou o Rallicross de Sever do Vouga. Na prova que marcou o regresso ao "velhinho" Renault Clio, o piloto da Recirosa Competições conseguiu ultrapassar todas as dificuldades tendo terminado a prova na quinta posição final.
Mostrando ter sido a aposta certa, o Renault Clio esteve quase a 100% durante todo o fim de semana. Apenas uma ligeira falha na alimentação levava o modelo francês a ser lento nos arranques, mas apesar desse senão, a equipa não teve desta vez os problemas constantes que desde o início da época limitavam o desempenho do piloto em prova.

Durante as primeiras sessões de treinos, Ademar Pereira optou por uma toada mais cautelosa a fim de verificar que tudo estava a funcionar com o Clio, mas na primeira manga oficial de qualificação o piloto já pôde rodar mais solto baixando os seus tempos por volta e terminando a manga no 3º posto.
O segundo dia de corridas começava com as segunda e terceira mangas de qualificação. Ademar Pereira encarava cada uma das mangas com o mesmo espírito determinado, apostado em progredir no seu desempenho. Com o Clio a falhar em baixas rotações, o piloto natural de Lanheses perdia alguns preciosos segundos mas somava um 4º lugar na segunda manga e novo pódio na terceira manga com os tempos por volta a revelarem diferenças muito curtas para os adversários.

Chegava-se então à final e Ademar Pereira saía da terceira linha da grelha. No arranque, a mesma falha eléctrica comprometia o desempenho cavando-se desde logo um "fosso" considerável para os pilotos da frente mas Ademar Pereira rapidamente recuperava o andamento envolvendo-se numa interessante luta pelo quinto posto que viria a ser favorável ao piloto do Renault Clio azul e branco por escassas décimas.

No final das corridas, o piloto afirmava estar "satisfeito com o desempenho. Claro que gostaríamos de ter terminado mais próximos dos primeiros lugares mas este foi o resultado possível e que considero positivo. Conseguimos desta vez rodar sem sobressaltos mecânicos e acredito que poderíamos ter ido um pouco mais longe sem a falha eléctrica a limitar o andamento em baixas rotações.
Tenho de felicitar os meus adversários pelas excelentes provas que fizeram e agradecer a todos os nossos patrocinadores e amigos pelo apoio e palavras de incentivo ao longo de todo o fim de semana."


(Texto e fotos de cotesia)

Sem comentários:

Enviar um comentário