sábado, 27 de maio de 2017

A ERMIDA DO LUGAR DE SANTO ANTÃO.

       


        Santo Antão foi um eremita que passou grande parte da vida isolado em cavernas no deserto, optando por uma vida de contemplação e oração a Deus na quietude e silêncio do ambiente agreste e árido que caracteriza a região onde se situa o Egito, o país da sua naturalidade. O exemplo da sua vida ascética e contemplativa aproximou de si outros crentes que o seguiram e participaram nas ações que desenvolveu.



        Santo Antão é o lugar da freguesia de Lanheses onde melhor se enquadra a ermida com história de vida do orago do mesmo nome. Já não está tão isolada como estava no passado porque existem, agora, à sua volta novas habitações, e se algum roído perturba a pacatez do local, sai quase todo do reduzido fluxo automóvel que passa na estrada, já que os moradores vizinhos da capela, sendo escassos e pacatos, privilegiam e guardam o silêncio do espaço. E acabaram os carros de bois..



       Árvore de grande porte, relva, mesas e bancos de granito, muros de pedra lavrada e acessos empedrados, espaço cuidado e limpo de vegetação selvagem, do pequeno outeiro desfruta-se de uma vista alargada de quase 360º sobre a montanha da Serra d'Arga, vale da Silvareira, vale do Lima e boa parte da freguesia de Lanheses e outras limítrofes. Sossego, respira-se sem se ficar saciado.
     
                                               Retábulo da Capela de Santo Antão

         Em Santo Antão decorre a festa tradicional da Ascenção, quarenta dias depois de Páscoa, retomada de há anos a esta parte graças a ação voluntária de moradores e amigos do Santo padroeiro dos animais domésticos. Não possui a atração que mereceu no passado, rareiam os protagonistas essenciais irracionais, o cariz da boa ruralidade que a caracterizou, adaptou-se à realidade do tempo de agora e sobrevive na sua componente católica cristã com a dignidade devida.

         E viva Santo Antão, pois, então!


(Consultar programa divulgado no doLethes para os dias de hoje e de amanhã)


                                          Santo Antão


                                                      São Sebastião


                                              São Silvestre





                           PORTA (ABERTA) PARA O CABRITO




                             ESCADINHA PARA DESCER...

                    


Remígio Costa
Fotos: doLethes

              

Sem comentários:

Enviar um comentário