segunda-feira, 30 de maio de 2016

A MINHA TERRA É VIANA.



            Quem conheceu Viana como se vê na fotografia acima inserida só a reconhece na atualidade pela linha férrea, pela Igreja de Nossa Senhora do Carmo (à direita) e pela Basílica de Santa Luzia e do Hotel no cimo da montanha. Alguns, poderão também identificar a antiga Fábrica das Boinas perto da atual passagem subterrânea para peões no início da Rua Manuel Fiúza Júnior e da Avenida 25 de Abril. De resto, a Avenida Abel Viana paralela à ponte Eiffel onde ainda aparece o peculiar posto da brigada de trânsito de GNR (o terror dos condutores de viaturas...) e o urbano construído visível são, agora, substancialmente diferentes quando comparado com a imagem hoje colhida sensivelmente no mesmo local.



                      A partir da Ponte Eiffel, aproveito a oportunidade para mostrar fotograficamente um pouco da zona do estuário do rio Lima e do Jardim Público, na convicção de que Viana do Castelo já deixou de ser a "Princesa do Lima" porque é, há muito, Rainha de Beleza.











Fotos:doLethes
Remígio Costa

Sem comentários:

Enviar um comentário