sexta-feira, 13 de fevereiro de 2015

A CATEDRAL SÉ DE SANTA MARIA DE TUY

               

 A Catedral Sé de Santa Maria, em Tuy (imagem internet)


Portada Norte
          




         Antes de ter sido iniciada no séc. XII a sua edificação no alto rochoso do que é hoje a cidade fronteiriça de Tuy, na Galiza, por duas vezes foi arrasada pelos vikings vindos do norte a Catedral Sé de Santa Maria junto ao rio Minho, em frente onde mais tarde viria a formar-se a cidade portuguesa de Valença. 

           A Catedral da Diocese de Tuy - Vigo foi sede episcopal no início do séc.  XII (1120) cujo domínio se estendia pelo território entre os rios Minho e Lima tendo estado abrangida pela tutela do arcebispado bracarense.

           Concluída em plena época do estilo românico, a imponente Catedral conserva exemplos daquela corrente artística a planta, a portada norte e a iconografia dos capitéis, mas são os abundantes elementos góticos que convivem com o românico na sua bela estrutura  que a colocam como único monumento existente na Península Ibérica naquele estilo. Desde logo, a fachada principal a Oeste, com iconografia generosa do século XIII, de suma beleza e perfeição onde relevam as estátuas de quatro pares de Apóstolos, o Tímpano, a Adoração dos Pastores, os Reis Magos e a representação da cidade celeste de Jerusalém e a porta barroca em madeira 

FACHADA PRINCIPAL OESTE







           O seu interior é um deslumbramento de arte e beleza. São admiráveis a estrutura gótica do altíssimo pé-direito da sua envergadura, reforçada com tirantes implantados ao longo do tempo para ajudar a suportar o peso do tecto (resistiu ao terramoto de 1 de Novembro de 1775), os dois órgãos barrocos que funcionam a solo ou em conjunto, a talha dourada dos seus dois altares um dos quais votado a São Telmo, protetor dos marinheiros e pescadores e patrono de Tuy e o retábulo da Capela.

INTERIOR DA CATEDRAL














          É visita imperdível ao amplo claustro gótico cistercisense e ao museu, adjacentes à Catedral onde se encontram expostos a maquete da Catedral galega e inúmeros achados arqueológicos.

 CLAUSTRO CISTERCISENSE













FIM DA VISITA




                                                      Academia Sénior do IPVC


         Do lado Este e junto da Catedral ergue-se a Igreja da Misericórdia de Tuy, erguida em 1575 por influência da Raínha D. Leonor irmã de Carlos V e mulher de D. Manuel I de Portugal. E, ao fim da mesma íngreme rua do centro histórico onde tudo está situado, está a igreja barroca do patrono da cidade de Tuy, São Telmo.

IGREJA DA MISERICÓRDIA 



 IGREJA DE S. TELMO.



  
RUAS DE TUY




Fotos: doLethes
            
Texto: Remígio Costa

Sem comentários:

Enviar um comentário