quinta-feira, 28 de maio de 2020

JUNTA DE FREGUESIA VAI RECUPERAR TROÇO DO CAMINHO DE SANTIAGO.

               


                                     Arcos da antiga ponte românica (séc.XIV ou XV)

             A Junta de Freguesia de Lanheses pretende recuperar um troço do antigo "caminho de Santiago", a partir do rio Lima no sítio da Passagem, e que atravessa em parte o bosque de Linhares na zona do Parque Verde pela ponte românica no designado "Olho", seguindo pelo lugar da Seara, Largo da Feira e estrada da Corredoura. 

           O percurso inicial com cerca de duzentos metros, atualmente apenas uma vereda de acesso aos terrenos da veiga, foi primitivamente aberto para carga e descarga de mercadorias transportadas pelos típicos barcos água-arriba, servindo ainda de continuação do percurso dos peregrinos a caminho de Santiago de Compostela que, vindos da margem direita, ali atravessavam o rio. 

           A zona tem interesse histórico além de ser local de tranquilo lazer e de observação de fauna e da flora autóctones, em virtude de um dos seus arcos estar datado do século XV ou XVI, e algumas das grande pedras retangulares retiradas do piso terem entrado na construção do edifício da antiga sede da Junta de Freguesia no Largo Capitão Gaspar de Castro.

          A zona que envolve os bosques de Linhares e Coladas no lado norte do Parque Verde, vem desde há muito a constituir uma premente aspiração dos sucessivos executivos da Junta local, reclamando à Câmara concelhia que o espaço fosse estruturalmente requalificado em cumprindo de uma velha aspiração da população da freguesia de Lanheses.

         
                                    Acesso ao bosque de Linhares, a partir do rio Lima




 Fotos: doLethes
Remígio Costa 

Sem comentários:

Publicar um comentário