domingo, 12 de janeiro de 2014

CEGONHAS DE VOLTA A CASA!

            


As cegonhas-brancas que há cinco anos construíram no cimo da chaminé da antiga casa do povo, na Rua de Santa Eulália, um ninho, estão de volta a casa depois de cumprido o ciclo natural da sua espécie, algures lá mais para o sul de Portugal, como pude constatar cerca das 13:30 horas de hoje.




           Já ontem, sábado 11 de Janeiro, e por informação de um amigo um exemplar, provavelmente a fêmea, tinha sido avistada sobrevoando o local e pousado no amontoado de paus que têm vindo a ser ali acumulados nos últimos quatro anos, tendo pousado durante algum tempo e inspeccionando "as instalações" e avaliando "os custos" dos arranjos que terão que ser feitos para permitir nova criação, a quinta desde que, inopinadamente, escolheram Lanheses para habitat.



          Dona Lala e o sr. Lima, este, como é já habitual deve chegar dentro de dias, "produziram" até agora nada menos que TREZE crias (3+4+2+4), mas apenas um outro casal procriou nesta área, optando por edificar o ninho num poste de electricidade junto à estação da ETAR, na veiga de cima, criando dois especimen, ao que julgo.Certo é que daquele número não sobreviveram todos pois que a última criação ficou quase completamente dizimada, electrocutada nos fios eléctricos de um poste junto à Estrada de Lamas, no cimo do qual umas alterações técnicas introduzidas nos fios acabaram por se tornar autênticas armadilhas para as aves que ali pousaram.

          Há pouco, observando da minha casa o ninho que a cegonha-branca continuava no local perscrutando o horizonte e atenta ao movimento que ali acontecia.

        

Fotos doLethes.

Sem comentários:

Enviar um comentário