sábado, 9 de março de 2013

A CAIR AOS BOCADOS.

                

                O antigo posto de abastecimento de combustíveis da SACOR, no Largo Capitão Gaspar de Castro, está a cair aos pedaços. Há dias, uma viatura estacionada debaixo da pala virada para a estrada, levou em cima do tejadilho com uma porção de argamassa que se soltou do tecto causando alguns danos materiais.
                O local é muito utilizado para estacionamento de viaturas, mas, também por pessoas que em dias de chuva ali se abrigam. Apesar do incidente a que nos referimos já ter acontecido há alguns dias, o espaço atingido continua hoje sem qualquer sinalização ou aviso de perigo.

                A requalificação do espaço onde está implantado desde 1958 a bizarro construção, está dependente da conclusão do processo judicial que opõe há anos a autarquia à actual empresa concessionária do antigo posto de combustíveis. Enquanto não houver uma sentença que ponha fim a este imbróglio litigioso, as instalações vão-se deteriorando desconhecendo-se até que ponto os depósitos de combustível ali enterrados possam constituir um problema para os residentes nas suas imediações.

                

               

3 comentários:

  1. è a vergonha da nossa terra

    ResponderEliminar
  2. Os responsaveis serao as filhas do Capitao Castro (venderam o que nao era delas) O Amorim,o Ze Manuel & capanhia,pela situcao em que o Largo da Feira vive!
    A.Ferreira

    ResponderEliminar
  3. O Largo da Feira é um dos lugares mais emblemáticos da freguesia, senão o mais emblemático, e que qualquer lanhesense se orgulha.
    No Largo da Feira tudo acontece: já foi feira do gado, já foi espaço de feiras francas... É agora lugar de intenso comércio.
    Foi e é espaço de encontro.
    É neste lugar que se discute a freguesia e seus fregueses. Neste lugar, também de bisbilhotice, mexeriquice, intriga e boato, define-se muitas vezes a honra ou desonra de muitas pessoas!!!
    A antiga bomba simboliza esse lado degradante do Largo da Feira de Lanheses.

    ResponderEliminar