domingo, 28 de outubro de 2012

ÀS CINCO DA MANHÃ!

            Acontece. Às cinco da manhã de hoje (CINCO, companheiros!), o despertador do meu telemóvel arrancou-me ao silêncio das profundezas do Universo aonde me levara uma nuvem mergulhado no sono dos justos, obedecendo à ordem gravada na memória da máquina desumana e implacável. Em obediência à determinação da mudança de hora (estou ainda para perceber que vantagens resultam destas alterações) accionei o mecanismo do despertador para a hora habitual sem me lembrar de atrasar o relógio para o ajustamento indispensável.

          O erro era irrecuperável e, sendo assim, cumpridos os preliminares dos hábitos de higiene diária, sentei-me ao computador e escolhi esta raridade de talento precoce que ofereço a todos aqueles que, a esta hora e durante o dia de domingo que ora começa, com os votos de que passem um lindo e feliz fim de semana.

Connvosco EDWARD YUDENICH, um Maestro de apenas SETE anos de idade!


Sem comentários:

Enviar um comentário