sexta-feira, 13 de janeiro de 2012

O REGRESSO DAS CEGONHAS-BRANCAS.

             Tinham-me informado de que havia sido avistada na passada terça-feira, dia 10, uma cegonha-branca no ninho que permanece na chaminé da antiga casa do povo, desde há dois anos a esta parte, mas, ainda não pude confirmar pessoalmente o regresso ao lar desta espécie pouco vulgar por estas paragens. Mais feliz foi o meu amigo Sérgio Moreira, do blogue Something Special do Vale da Serra  d'Arga, que registou na sua oportuna e perfeita máquina  uma das imagens de uma daquelas aves que publicou no seu blogue e que eu, com a devida vénia e cordiais felicitações, me atrevo aqui integrar. Bem merece o Sérgio este feliz momento pelo amor que dedica à natureza e pelo carinho que nutre por esta sua (nossa) terra a quem não regateia elogios e dedicação.
              Tudo leva a crer que as cegonhas-brancas vão ficar e pela terceira vez criar nova família de filhotes. Primeiro, foram três, no último ano, quatro, e, para manter a sequência, no ano corrente espera-se que cheguem às cinco!

              Sejam bem-vindas.

Foto de Sérgio Moreira, publicada no blogue Something Special da Serra d'Arga
            

2 comentários:

  1. Disponha sempre caro amigo e acredite, foi realmente um momento muito feliz!

    Momento que pode trazer pensamentos de preocupação, se pensarmos em termos ambientais, mas de extrema felicidade, também, por podermos contemplar tão bela ave!

    Abraço do costume

    Sérgio

    PS-Continuo sem poder postar o comentário que o excelente artigo sobre a Torre Sineira me merece.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ainda não tinham batido as 8 horas de hoje e lá estava, no cimo do volumoso ninho da chaminé, um exemplar das cegonhas-brancas! Não tinha a máquina naquele momento pelo que ainda não foi desta que pude registar o "regresso ao lar" da família do sr. Lima e de Dona Lala, que, no ano corrente, regressaram mais cedo cerca de um mês.

      Estavam, como nós, ansiosas de saudade.

      Eliminar